6 de maio de 2016

Destralhar e reciclar chávenas!

E a D. Primavera insiste neste mau humor, o tempo hoje amanheceu fechado, com nuvens escuras e chuva fininha. Na verdade até dá jeito para limpar o ar e nos livrar um pouco dos sintomas irritantes provocados pelas alergias.

Ainda que o tempo só inspire a dormir e preguiçar, é preciso destralhar e dar andamento às arrumações de Primavera, estou à espera do bom tempo voltar para lavar os edredons e cobertores de inverno. Enquanto o sol não vem, vou dando uma arrumação nos móveis da cozinha, que aliás, detesto ver cheios de loiça que não uso. 

Já lá vai o tempo em que eu guardava todo o tipo de loiça, tivessem conjuntos ou não, lá estava eu a arrumar não fosse precisar um dia, devia estar à espera de guardar loiça para umas dezenas de encarnações.Quanta bobagem! Pouco a pouco reduzi a loiça ao indispensável e é muito interessante observar e sentir a tranquilidade do ambiente depois disso.

 Bens materiais são feitos para me servir e não o contrário, portanto, se somos quatro a fazer refeições diárias, conto com isso e pouco mais para eventuais visitas. De qualquer forma a ideia é não acumular, guardar apenas o que realmente preciso, deixar os espaços e ambientes mais leves, para que as boas energias possam fluir livremente. 

Nestas arrumações descubro sempre peças de loiça sem par, muitas vezes chávenas, que perdem a graça quando não há mais peças iguais, foi então que resolvi pesquisar sobre o que posso fazer para reutilizar chávenas e vejam só o que encontrei!








































Sem comentários :

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...